segunda-feira, 21 de maio de 2018

Quiche de legumes com atum


Num destes dias, sem saber o que haveria de fazer para o jantar, "tropecei" numas nabiças e nuns espinafres esquecidos no frigorífico.

Refoguei-os, e numa massa folhada de compra, juntei os legumes, ovos batidos, 1 lata de atum e 1 iogurte natural como substituto das matas.

Levei ao forno até dourar.

Estava maravilhoso e é uma forma de aproveitar qualquer legume e restos de carne ou peixe.

Bom apetite.

Ana

terça-feira, 15 de maio de 2018

Dia da Família





Hoje que se comemora o dia da família, aproveito para publicar estas fotografias da máquina de costura que herdei da minha avó Maria.

Eu sou muito ligada à família e às minhas recordações.

Claro que o dia da Família é todos os dias, e por isso o que eu sou, a minha casa, os meus ideais, espelham a minha família.

A máquina estava na minha cave a aguardar um cantinho especial.

Agora já faz parte integrante do nosso lar, e é uma recordação "viva" da minha avó.

Beijos

Ana


segunda-feira, 14 de maio de 2018

Nome de rua


Geralmente as nomes das ruas do nosso Portugal, são nomes de artistas, políticos, religiosos e de flores.

Numa das minhas caminhadas deparei-me com um nome rua, cuja a sra em causa fora doméstica.

O meu espanto foi total, não de uma forma depreciativa, mas de grande agrado.


O nosso Portugal e muito especial, não acham?

Ana

domingo, 13 de maio de 2018

Dia de espiga


Esta quinta feira foi dia de espiga, ou seja, quinta feira de Ascensão.

É um dia que me recorda o passado. Em miúda ia para o campo apanhar a espiga com a minha avó Vitória.

Todos os anos, neste dia compro sempre o molho de espiga para mim, para a minha mãe, para a minha sogra e para as minhas avós enquanto estiveram vivas.

Todos os anos guardo o molho de espiga juntamente com uma carcaça, que se mantém sem bolor até ao ano que vem.

Velhas tradições quem fazem parte de nós.

Beijos

Ana

terça-feira, 8 de maio de 2018

Um boneco de embalagens




As provas de aferição (aflição) estão em força, e cá em casa tenho um menino que vai fazer as ditas provas do 8. ano e uma menina que fará as do 2. ano.

São muitas aflições juntas.

Como treino, a professora da minha filha, pediu que fizéssemos um boneco de embalagens.

Devo confessar que fiquei aflita, mas depois de vários momentos de reflexão, lá pusemos as mãos à obra.

Com embalagens de pastilhas e um pouco de corda, nasceu o Pastilhas.

Um boneco de sucesso entre a garotada.

Um beijo grande.

Ana

quinta-feira, 3 de maio de 2018

Retomar a reciclagem




O nosso velho ecoponto voltou a ganhar vida, com uma boa limpeza está como novo.

Por causa dos adultos cá de casa, os miúdos já não sabiam fazer a separação do lixo.



Apesar de morar numa freguesia de Sesimbra, uma vila que vive do turismo, durante 17 anos não tive ligação ao esgoto. No primeiro ano não tinha contentor do lixo, mas na rua paralela havia 2, à noite, eu e o meu marido íamos "roubar" um contentor para a nossa rua.
De manhã, o camião do lixo repunha tudo no sítio, à noite voltamos a atacar.

Nestes anos todos, o varredor de rua apenas foi visto uma vez, acredito que seja uma espécie em vias de extinção.

Para chegar ao ecoponto mais próximo temos de ir de carro.

Mas como o futuro não é nosso, mas será dos nossos miúdos, deixá-mos as rabugices de parte e já reciclamos.


Até o cão já aprendeu.

E por aí, recicla-se?

Beijos

Ana


terça-feira, 1 de maio de 2018

Legumes à Bráz



Como vocês já sabem, cá em casa às refeições são pensadas e elaboradas conforme o cabaz do peixe e dos legumes.

Um destes dias já tinha acumulado 3 alhos franceses e umas quantas cenouras e decidi fazer legumes à Bráz.

Num tacho colocar 1 cebola grande cortada aos cubinhos, juntar 6 cenouras raladas, ou  com o descacador de batata, ripar a cenoura e 3 alhos franceses cortados ás rodelas, juntar azeite e deixar a estufar.

Já fiz com as cenouras às rodelas, mas não cozinha ao mesmo tempo do alho francês, já fiz com o alho francês cortado na horizontal mas não fica agradável no prato e atenção à terra que traz, é preciso lavar muito bem.

Quando os legumes estiverem cozinhados, juntar batata frita palha e 4 ovos batidos.
Envolver bem, desligar o lume e deixar acentar.

Se tiverem claras congeladas que tenham sobrado de outra receita, podem utilizar substituindo os ovos, também fica muito bom.

Sirvam com salsa ou coentros e azeitonas a gosto.

É um verdadeiro petisco.

Bom apetite.

Ana